Patagônia Argentina
Ir para página inicial

A Patagônia Argentina está localizada no extremo sul da América Latina. Os contrastes são predominantes na região. Tem a Cordilheira, as montanhas, os lagos e os pinheiros, ao este as praias e oceano, as baleias e a neve no inverno.

 

Os turistas que gostam de turismo de aventura encontram nessa região opções de trakking, rafting, alpinismo, mountain bike entre outras opções de atividades de adrenalina.

 

Puerto Madryn, fundada em 1865 por colonos do País de Galês, é um balneário da Patagônia que atrai  os argentinos e turistas durante o verão em razão da espetacular vida selvagem. A fauna é exuberante, pode se ver  leões marinhos, pingüins, baleias, orcas, golfinhos, focas e outros tantos animais.

 

A Patagônia Argentina possui vários centros de esqui destacados internacionalmente entre os principais do mundo em grande parte pela infra – estrutura local.

 

O verão patagônico é a melhor época para os turistas. De dezembro à março o clima é ameno e as chuvas esporádicas . Nos meses de abril  e novembro é possível aproveitar os encantos da patagônia e aproveitar as tarifas de baixa temporada.

 

Essa região da zona sul da Argentina ocupa uma área de 673 mil quilômetros quadrados. Uma vasta área de estepe e deserto delimitada pelos Andes Patagônicos no oeste, no rio Colorado no norte, o Oceano Atlântico no leste e o Estreito de Magalhães no sul.

 

Mar Del Plata é uma cidade litorânea que no verão recebe em média um milhão de turistas. Conta com opções de cassinos, praias agitadas, restaurantes, discotecas, teatro e muitas outras opções.

 

Punta Tombo tem uma Reserva Natural Cabo dos Bahías onde o turista pode andar entre milhares de pingüins. Durante o percurso  existem  paradas na superfície branca de uma salina para colher conchas , visitar um cemitério com vista pro mar, tem vários cordeiros. A cidade é produtora de ovelhas e o cordeiro um prato típico e delicioso da patagônia.

 

El Calafate,localizado a 315 km de Rio Gallegos e a 80 km da entrada do Parque Nacional Los Glaciares.  Uma cidade que se tornou turística, com muitas opções de hospedagem, de transporte, vendas de produtos regionais, artesanais  e a Oficina do Turismo que presta excelentes serviços informativos aos turistas. El Calafate é a porta  de entrada ao majestoso mundo dos glaciares. Com uma paisagem de Estepe, surpreende aos turistas com uma imensidão de paisagens, a cor azul- pavão do Lago Argentino e a vegetação própria de uma zona desértica. Dentre inúmeras opções de passeios oferecidos aos turistas estão o Glaciar Perito Moreno, que é o gigante glaciar de 30 km de comprimento e 30 de largura que avança em direção ao Lago Argentino com altura de até 70 metros acima da água. Além da linda vista, o turista tem a sensação de flutuar ao lado da enorme parede de gelo. A paisagem se torna ainda mais indescritível com os bosques, as montanhas ao redor e os enormes pedaços de gelo que se desprendem e caem com o barulho, até ousadas expedições que atravessam os glaciares de um lado ao outro.  Passeios pelas fazendas locais, cavalgadas, excursões em carros 4x4 e muitas atividades de lazer ao ar livre.

 

O Parque Nacional Los Glaciares que fica em El Calafate abrange 600.000 hectares na qual existem 47 glaciares, é um lugar único no mundo e em 1981, a UNESCO declarou como Patrimônio da Humanidade. O Parque abrange uma zona de grandes mudanças climáticas e paisagísticas desde as altas montanhas a estepe patagônica.

 

A estepe que acompanha a cordilheira oferece um habitat especial para uma grande variedade de mamíferos e aves, uma diversidade de flora.

 

Ushuaia é a capital da província de Tierra Del Fuego, Ilhas do Atlântico Sul e a Antártida. Está localizada numa baía de incomparável beleza protegida dos ventos à beira do Canal Beagle, rodeada ao oeste pelos Montes Martial e ao leste pelo Monte Cinco Hermanos e Monte Olivia.

 

Com uma beleza exuberante, a cidade de Ushuaia permite o turista ficar maravilhado  pela mistura de terra, mar, florestas, glaciares e montanhas.

 

Inúmeros passeios são sugeridos desde a visita ao centro histórico da cidade, o Museu Del Fin Del Mundo, o Museu Marítimo, a estação de piscicultura Rio Olivia e o Museu de Maquetas Mundo Yámana.
Dentre os  eventos esportivos, destacam –se a tradicional Marchablanca e a Marcha de los Valles, travessias em esqui de nível internacional que ligam as estações de inverno e reúnem os turistas com suas famílias.

 

Em Ushuaia está o Ushuaia Sled Dog Race, uma aventura de vários dias em trenós puxados por cães, o Rally Del Fin Del Mundo, conta com a participação dos melhores pilotos do país.

 

O Festival Internacional de Ushuaia, pela localização privilegiada possibilita esse festival de música clássica ser um evento único, com concertos que contam com a participação de artistas de prestígio internacional.

 

Os documentos  para entrada no país são passaporte  ou a carteira de identidade emitida com máximo de 10 anos e legível. A carteira de motorista não é aceita para entrada no país.